ÚLTIMAS POSTAGENS:

VEREADORES DEBATEM SOBRE CONSTANTES ENCHENTES NO MUNICÍPIO


Hoje na Câmara a Sessão contou com a presença de quase todos os Vereadores, o Vereador Nasso kaxinawá e o Vereador Lulu Neri estavam  com compromissos na zona rural.

Não houve expedientes recebidos e nem nenhum Projeto de Lei foi apresentado.

O Presidente, Vereador Ezi Aragão, está fazendo questão de iniciar as Sessões no horário regimental, somente com a tolerância de 15 minutos.

A Vereadora Janaína Furtado iniciou falando sobre o concurso público e seu contentamento pelo poder executivo ter convocado em caráter imediato os primeiros 25 dos 75 aprovados para no próximo dia 20 comparecer no Teatro Municipal. Por outro lado sente-se entristecida, pois não vê nenhum planejamento em relação aos outros concursados, que ficam sem informações a respeito de seus casos, ao passo que, se cortando dobras e gratificações de alguns, esse concursado poderia ser chamado para ocupar uma vaga. Parabenizou o ex Presidente Manoel Monteiro por ter conduzido de forma sóbria os debates que envolveram as Leis do Estatuto dos Servidores e do Sistema Previdenciário no final do ano passado. A Vereadora foi visitar o Canil Municipal e constatou a total inoperância do mesmo chamando a atenção as conseqüências para a saúde tanto dos seres humanos quanto dos próprios animais. Fez um requerimento de seu gabinete pedindo informações sobre os imóveis alugados pela Prefeitura afirmando que existem prédios alugados para Prefeitura que não estão oferecendo serviços para ao município. Deixou o reconhecimento a gestão do Prefeito DR. Rodrigo Damasceno no tocante a atenção que deu aos desabrigados das cheias que assolam o município.

 O Vereador Marlindo prevê que a Casa vai ter muito trabalho porque ainda há muita coisa a se fazer. Moradia um dos mais importantes, disse que o PC do B inclusive vai defender uma reforma urbana urgente. Lembrou que por uma Emenda da ex Deputada Perpétua Almeida 29 casas foram entregues amenizando assim o problema de muitas famílias.  Isso se deve segundo o ele a corrupção pela qual passou o Executivo Municipal em gestões anteriores, e admite que não seja fácil resolver um problema de décadas que só se agrava com casas sendo construídas dentro de igapós. O aumento da energia é outro problema que preocupa o Vereador principalmente os consumidores da zona rural.

Atribui a crise financeira que passa hoje o país a corrupção selvagem que atinge a nação como um todo. Falou que vem um técnico de São Paulo entre os dias 15 e 18/02 para treinar os cooperados que produzirão o açaí sem agredir o meio ambiente. Fez um convite aos sindicalizados do STRT, pois ontem foi o último dia para inscrições de chapas para eleição da nova diretoria no próximo dia 15/02 onde houve apenas uma chapa inscrita.

O Vereador Sidenir mostrou-se contente por ver o sol podendo com isso permitir que algumas ruas de Tarauacá que foram atingidas pela alagação já possam receber certa manutenção. Concorda com o Vereador Marlindo sobre o problema de habitação. Apontou a vantagem de terem votado a revisão do Plano Diretor do município por colocar organização no crescimento da cidade. Ainda nesse sentido solicitou dos colegas que peçam ajuda dos Deputados tanto Federais como Estaduais para olharem com mais carinho para Tarauacá, sobre isso falou que a pauta de discussão na ALEAC ontem em Rio Branco foi Tarauacá justamente pelos problemas enfrentados nos últimos meses.

Um problema grave recebido pelo Vereador foi um abaixo assinado dos produtores rurais que vendem farinha no mercado municipal solicitando que os poderes públicos intervenham contra os atravessadores que estão onerando em muito o preço do produto para o consumidor final. O Vereador deixou bem claro que isso é uma questão de honra para o mesmo e pediu inclusive apoio dos seus colegas da Casa.

Em sua fala o Vereador Mirabor congratulou-se com o colega Vereador Sidenir pelo problema do Mercado Municipal e se dispôs a ajudar no que for possível. Apresentou dois Requerimentos  o primeiro de nº 001/2015 que solicita a relação de fornecedores com suas respectivas notas fiscais, relatório especificando em que está sendo utilizado os recursos aprovados por esta Casa para a Secretaria Municipal de Ação Social, e o relatório da utilização dos recursos das escolas pólos contendo valores utilizados e extrato bancário das contas que receberam os recursos. E o segundo Requerimento de nº 002/2015 para que seja feito uma fiscalização pela Prefeitura Municipal na construção da Escola Pólo da Capela. Esse pedido foi feito porque o Vereador constatou que estão usando materiais de baixa qualidade dando como exemplo a areia além da construção estar fora do que se vê na planta do projeto. Como são projetos de valor significante acima de um milhão de reais, o Vereador tem certeza que tem que ter uma melhor fiscalização por parte dos vereadores, tanto a da Capela quanto o do Mamoré, Gregório, Socó e 15 de junho. Ambos foram aprovados por unanimidade.

Vereador Manoel Monteiro falou do castigo e prejuízo que as chuvas andam trazendo principalmente para o bairro da praia, bairro esse que é o primeiro a alagar com a enchente. Preocupa-se a partir do momento que especialistas prevêem mais chuvas para a região o que prejudica não só o lucro dos agricultores, como também, moradias e plantações. O Vereador foi visitar o trapiche no beco da garagem e ficou impressionado com a quantidade de casa que foi feita ali e a falta de condições dos moradores naquele local e ainda acrescentou que esse tipo de construção tem que ser proibida. Por outro lado diz que há de ter que ser feito um trabalho de conscientização de proprietários de terras em volta do município que devem entrar em um acordo com o poder público para que se tenha terras onde a cidade possa crescer de forma ordenada e organizada. Finalizou elogiando o Governador Tião Viana como um dos melhores do Brasil.

O Vereador Valdor do Ó, também falou da alagação sendo que acrescentou que 80% do comércio da cidade ficaram paralisados. Sobre a invasão no beco da garagem diz ter conhecimento que o Beco do Jurandir passa pelos mesmos problemas. Disse que as pessoas fazem casas dentro do rio e igapós porque não têm recursos para comprar um terreno em uma área melhor. Valdor atribui parte do problema as obras relacionadas a estrada e a ponte e pediu que a Mesa Diretora faça um documento tanto para o Governo Federal como para o Estadual para que façam um estudo de barragem da ponte que fizeram com poucas galerias e que está atrapalhando a vazão da água. Acrescentou que assim que puder a Prefeitura terá que colocar várias equipes espalhadas pela cidade em uma operação tapa buraco porque caso contrário a cidade vai ficar intrafegável. Finalizou com elogios aos políticos do PC do B que não foram reeleitos os Deputados Moisés Diniz e Edvaldo Magalhães e a Sra. Perpétua Almeida que segundo ele vai fazer falta ao município.

Ezi Aragão – O Presidente Vereador Ezi Aragão em resposta ao pedido da Vereadora Janaína Furtado para que se tome providência pela demora das respostas por parte do Executivo aos requerimentos e pedidos de providência, dos Vereadores, Ezi solicitou que a nobre Vereadora possa reiterar esses pedidos já que ouve muitas mudanças na administração da Casa, isso claro dentro de um bom senso já que há coisas que tem que ser tirado milhares de cópias e se torna inviável.


Assecom
Compartilhar no Google Plus

Sobre Câmara de Tarauacá

Redatora do blog, Publicitária
    Comentário do Blogger
    Comentário do Facebook