ÚLTIMAS POSTAGENS:

A SEMANA NA CÂMARA



Na Sessão Ordinária do dia (17), a Mesa foi composta somente pelo Vice-Presidente Vereador Lulu Neri que presidiu a Sessão e o 1º Secretário Vereador Ezi Aragão. O motivo da ausência do Presidente Manoel Monteiro e a Vereadora Janaína Furtado foram suas participações na criação do Conselho Municipal dos Direitos da Mulher.

O Vereador Marlindo fez duas Indicações. A primeira de Nº 034/2014 solicita que a Prefeitura através da Secretaria Municipal de Saúde procure firmar Convênio para construção de um Posto de Saúde na Aldeia Nova Esperança, no alto Rio Gregório.  E a Segunda de Nº 035/2014 pede que a Prefeitura crie a Secretaria Municipal de Juventude e Esporte.

O Vereador Lulu Neri fez o PEDIDO DE PROVIDÊNCIA de Nº 033/2014 para que a Prefeitura através da Secretaria Municipal de Educação efetue a reforma da Escola São Sebastião no Seringal Joacy, Comunidade Salmora. O Vereador fez ainda a INDICAÇÃO de Nº 036/2014 pedindo para que a Prefeitura através da Secretaria Municipal de Saúde realize um Atendimento de Saúde no Igarapé Sacado, rio Tarauacá.

Entrou em apreciação oriundo do Executivo Municipal o PROJETO DE LEI Nº 023/2014 que declara como área de especial interesse social para fins de urbanização e regularização do loteamento denominado Ipepaconha em Tarauacá.

Os Vereadores de oposição fizeram criticas as ruas esburacadas em pleno centro da cidade. O Vereador Mirabor Leite inclusive deu como exemplo uma Toyota 4x4 que atolou em frente ao mercado na Rua Justiniano de Serpa. Outro tema também bastante criticado pelos vereadores foi o terreno para onde vão ser transferidas as famílias em área de risco. Para eles é um terreno alagadiço afirmou que a Câmara tem que cobrar mais do Executivo.

Os Vereadores que compõe a base política do Prefeito defenderam a administração alegando que o verão não se firmou para que sejam iniciados os trabalhos. O Vereador Marlindo defendeu a Casa afirmando que os Vereadores estão cumprindo com suas obrigações, não devendo portanto, os vereadores confundir os poderes, dizendo que eles não podem fazer o papel do Executivo.


O Vereador Ezi Aragão falando em nome da Mesa Diretora expôs sua ida e a do Vereador Manoel Monteiro a Rio Branco onde foram ver em que pé estão suas reivindicações e o andamento do que já foi prometido pelo Governo do Estado. Deu como exemplo a ida ao DEPASA para ver o problema da água no bairro de Copacabana que se arrasta há vários anos.

Já na Sessão Ordinária do dia (18), do Gabinete do Vereador Sidenir veio a INDICAÇÃO Nº 037/2014 pedindo que a Prefeitura através da Secretaria Municipal de Saúde realize um Atendimento de Saúde para as famílias das comunidades do baixo e alto Rio Acuraua. O Vereador Mirabor Leite fez o PEDIDO DE PROVIDÊNCIA Nº 034/2014 para que a Prefeitura Municipal de Tarauacá, através da Coordenação do Mercado Municipal, faça em caráter de urgência uma higienização no Mercado Municipal, principalmente na área onde é comercializado o pescado e a carne. Para apreciação veio do Executivo o PROJETO DE LEI Nº 022/14 que Dispõe sobre o subsídio mensal dos Conselheiros Tutelares deste município.

Entre os assuntos debatidos pelo Vereador Roberto Freire foi novamente o concurso público, inflação, ineficiência da vigilância sanitária, falta de equipamentos odontológicos nos postos de saúde e o esquecimento da educação na zona rural. O Vereador reclamou que os recursos não estão sendo usados para os fins a que se destinam. 

O Vereador Lulu Neri conversou com o Secretário de Educação e se mostrou otimista em relação às reformas nas escolas da zona rural. Pediu inclusive aos seus congêneres ajudar na fiscalização das obras para que as empresas que ganharam a licitação não coloquem madeira de péssima qualidade.

O Vereador Jesus Sérgio concordou com o Vereador Lulu Neri no que concerne a fiscalização da qualidade da madeira que será usada nas reformas das escolas da zona rural.


Em relação ao PROJETO DE LEI Nº 023/2014 que declara como área de especial interesse social para fins de urbanização e regularização do loteamento denominado Ipepaconha o Vereador pediu para que seus colegas observassem com muito cuidado o que prega a lei em relação a isso. Principalmente na parte que reza que 35% no mínimo da área têm que ser destinada ao poder público.

O Vereador Mirabor Leite voltou a reclamar da indecisão em relação ao concurso público afirmando que o maior prejudicado é o próprio concursado referindo-se a uma menina da comunidade do Perseverança que passou no concurso. O Vereador foi enfático ao afirmar que a área do Ipepaconha não é propícia para ser habitada. E reclamou novamente que a maioria dos projetos que vem da Prefeitura, apresentam erros.

O Líder da Prefeitura na Câmara Vereador Sidenir falou em relação ao caso do Ipepaconha que é uma decisão judicial e não há mais nada a fazer ou se discutir, apenas cumprir e que se foram procurar culpados os mesmos serão os antigos gestores.

O Vereador Nasso Kaxinawá lembrou que desde o início do mandato conclamou os Vereadores a fazer um mutirão de fiscalização para buscar onde estão os problemas. O Vereador quis dizer que a Casa não pode assumir problemas que não são de usa alçada. O Vereador chamou a atenção da vigilância sanitária afirmando que vê canoas matando porco na beira do rio. Finalizou afirmando que o problema da segurança pública no município avança vendo inclusive atos ilícitos acontecerem não só durante a noite como era sendo comum hoje ver assaltos em plena luz do dia.

A Vereadora Janaína Furtado justificou sua ausência na Sessão do dia (17), por estar na efetivação do Conselho Municipal dos Direitos da Mulher no Teatro Municipal José Potyguara, convite ao qual a deixou muito feliz. Janaína convidou seus pares para o festival de música gospel que ser realizará amanhã no Swing Club. A Vereadora finalizou cobrando a iluminação da ponte sobre o rio Tarauacá, lembrando que a falta de luz na ponte afeta consideravelmente os moradores no bairro do Corcovado no tocante a Segurança sem contar o alto risco de sofrerem um acidente.

O Presidente Manoel Monteiro exaltou as obras que estão em curso e que beneficiará as mulheres, como por exemplo, o posto de saúde exclusivo para elas no bairro Senador Pompeu, bem como o centro da juventude que contribuirá para os jovens ficar longe das drogas. Por tudo isso parabeniza seus congêneres em se preocuparem em fiscalizar o Executivo cumprindo assim o seu papel na Câmara Municipal. 

Assecom
Compartilhar no Google Plus

Sobre Câmara de Tarauacá

Redatora do blog, Publicitária
    Comentário do Blogger
    Comentário do Facebook